Thursday, July 02, 2009

UM POUCO ANTES DE AMANHÃ (11-12)

11

Pombal, entardenoitecer de 29 de Junho de 2009

Tem visões nem sempre turvadas pela emocionalidade.

A memória participa delas, mas não é delas o motor exclusivo. Julga que é um dom não forçosamente individual. O animal humano é uma cinemateca autoportátil. Pendura dentro quadros vivos. Individual – é como o vento diz as árvores internas.

Tem entrado mais para fora dos anos, também. Fala de uma espécie de essência marsupial da arte poética, no seu caso. Londres não ser a cidade, mas uma mitografia do XIX, patas de cavalos clocando a pedra, cancelas, humidade, luzes bruxuleadas que crescem a noite afinal apátrida. Um rincão ainda selvagem da infância, a natureza perfumada de ervas intensas, a pessoa-criança-vista-de-fora entrando-se perfumes, patas de cavalos, cloc-pedra-cloc, pátio ’inda. Já sabe algo do futuro: que há-de ser tudo lembrado em frente, hoje.

Autodocência e investigação só paráveis pela obliteração da morte (da paz física, da anihilação anímica).

Uma atenção dentro sem excesso de umbigo. O umbigo é banal. Toda a gente tem um. O filme é outro.

12

Pombal, entardenoitecer de 1 de Julho de 2009

Vejo daqui o monte por onde existi a par do vento.

Havia um cão comigo, em baixo ia a linha férrea, além os campos que o Inverno tomava de armas aquáticas.

Não me arrependo de ter sobrevivido.

Aprendi sem mestre a suportar a vasta e minuciosa beleza do mundo.

Disponho hoje de algumas chaves para a casa de toda a gente.

Trabalhei sem esforço para esta verdade.

Ele há prova – como ele há provação.

A cabeça é delicada e é limitada.

O mundo não é limitado nem delicado.

Ele é forte e é belo e indiferente.

O olhar atribui-lhe diferença: um menino e um cão num monte, ao vento.

E o homem na cidade aberta pelo rio, o céu do rio, as aves que abrem céu, rio e cidade e homem.

Estes elementos.

Colecciono leis elementares.

Vejo-as daqui.

Também as coisas nos vêem, acho.

A nossa silhueta angaria paredes.

As paredes silhuolham-nos, acho.

No comments: