Monday, September 26, 2011

ROSÁRIO DE ISABEL E DINIS seguido de OUTRAS FLORAÇÕES POR ESCRITO - 11 - Leiria e Coimbra, quinta-feira, 7 de Abril de 2011 (fragmento 6)

Um quase-nada de nada-quase
A bondade da pessoa tendo a pessoa por base
As incomunicações
As buganvílias
As reparações
O mau falar das famílias
O Pai / Os Pais já ido / idos
Este sabor a naufrágio
no palato dos perdidos

E ou mas
de repente
a gente
acordar na cama
com
precisamente
vê lá tu
quem se ama.