quarta-feira, novembro 25, 2009

Morreste mas tens de cá vir na mesma porque nós somos por assim dizer o Estado


Sem comentários: